segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Contadores pré-pagos


Jorge Andrade disse que até finais do próximo ano são instalados 250 pára-raios em todos os sistemas de abastecimento de água nas sedes municipais, para prevenir descargas eléctricas que têm causado muitas mortes, assim como contadores pré-pagos.

O director de Energia e Águas adiantou que mais de 19 mil ligações domiciliares são concluídas nos próximos três anos nos bairros São João, Calomanda e São Pedro, na cidade do Huambo, uma empreitada a cargo da empresa chinesa CEIEC. A expansão da rede de distribuição de água à cidade é um “trabalho de grande envergadura”, por cobrir cerca de 45 quilómetros de rede. 
 
Depois da conclusão das 19 mil ligações são definidas as tarifas de cobranças e a montagem de contadores de sistemas pré-pagos, que já existem na cidade do Huambo, referiu. 


O Governo Provincial está a estudar a viabilidade do abastecimento de água potável à cidade do Huambo e às vilas da Caála e Tchicala Tcholohanga através de um sistema de captação e bombagem a partir da barragem hidroeléctrica do Ngove, no município do Cuima. Actualmente, a cidade do Huambo é abastecida através da estação de tratamento de água do rio Culimahâla, que tem capacidade para 1.360 metros cúbicos por hora.

in Jornal de Angola de 14.10.2013

Sem comentários:

Publicar um comentário