terça-feira, 27 de novembro de 2012

Reitor da UJES anuncia abertura de curso de mestrado na Faculdade de Economia

  Cristóvão Simões, reitor da Universidade José Eduardo dos Santos (UJES)

O reitor da Universidade José Eduardo dos Santos (UJES), Cristóvão Simões, anunciou, na cidade do Huambo, a abertura no próximo mês de Dezembro dos cursos de mestrado em Ciências Económicas e Gestão, na Faculdade de Economia do Huambo.

O anúncio foi feito no acto de abertura oficial do curso de mestrado em Ciências Agrónomas e Recursos Naturais, da Faculdade de Ciências Agrárias da referida universidade, com sede na província do Huambo.

Segundo o reitor, a UJES conta com os cursos de mestrados em Direito, na Faculdade com o mesmo nome, Produção e Tecnologia Alimentar, bem como de Agronomia e Recursos Naturais, na Faculdade de Ciências Agrárias.

"Espero que com a realização deste mestrado em Agronomia e Recursos Naturais possamos perspectivar um trabalho de cooperação com as demais universidades de referência e autoridades competentes do país, de modo a melhorar as realizações e a afirmação da universidade no país e na sub-região do Continente Africano", augurou.

A UJES foi criada em 2009, no quadro do decreto 7/09, de 12 de Maio, do Conselho de Ministros, que estabelece a reorganização da rede de instituições de ensino superior público, a criação de novas instituições de ensino superior e o redimensionamento da Universidade Agostinho Neto, até então a única universidade pública em funcionamento no país.

Afecta à 5ª região académica do país, a mesma abrange as províncias do Bié e Moxico, bem como do Huambo, que controla as Faculdades de Medicina Humana, Ciências Agrárias (cursos de engenharia florestal e engenharia agronómica), Medicina Veterinária, Economia, Direito, Instituto Superior Politécnico (cursos de electrónica, informática, arquitectura, construção civil, electromedicina, enfermagem e análises clínicas).

Nas províncias do Bié e Moxico estão em funcionamento a Escola Superior Politécnica, foram matriculados na presente época escolar sete mil estudantes nos distintos cursos de licenciatura.
in ANGOP de 27.11.2012

 

Sem comentários:

Publicar um comentário