quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Hospital Municipal do Bailundo carece de Sangue


O Hospital Municipal do Bailundo, a 75 quilómetros a norte da cidade do Huambo, está, há um mês, com falta de sangue, facto que está a preocupar a direcção da unidade sanitária, a julgar pelo número de doentes que diariamente necessitam deste indispensável liquido. 


O administrador do hospital, Henriques Lusitano Caunda, informou que tal situação está a criar alguns constrangimentos ao funcionamento do bloco operatório, onde todos os dias são realizadas quatro cirurgias que exigem transfusão sanguínea.

"
O banco de sangue regista insuficiência desde Outubro, aquando da inauguração do bloco operatório, apelamos a sociedade no sentido de realizarem campanhas de doação”, referiu.

Disse que além do bloco operatório, o banco de sangue do hospital municipal abastece ainda o centro materno infantil, o hospital do Chilume e os centros de saúde comunais.

Henriques Caunda frisou que tem havido, neste município, poucas campanhas de doação de sangue, o que, de certo modo, reflecte a pouca importância que os cidadãos atribuem a este acto solidário que visa salvar vidas.

in ANGOP de 28.11.2013

Sem comentários:

Publicar um comentário