terça-feira, 19 de novembro de 2013

Sacerdote aponta condução em estado de embriagues como causa frequente de acidentes de viação


A condução em estado de embriagues foi considerada na segunda-feira, na cidade da Caála, província do Huambo, como uma das causas frequentes de acidentes de viação em muitas estradas do país. 

A afirmação é do padre Nelson Ndielo, missionário da congregação redentorista da Igreja Católica, tendo apelado aos automobilistas e motociclistas a abdicarem de tal prática, para tornarem as estradas nacionais mais seguras e livres de sinistros.

Referiu que o consumo de álcool por parte dos utentes da via, além de constituir um desrespeito ao código de estrada, também cria desordem ao próprio ambiente rodoviário.

O padre Nelson Ndielo considera a organização pessoal e o cumprimento da legislação angolana como sendo determinantes para combater à sinistralidade rodoviária.

Cada família, segundo ele, deve ter a responsabilidade de educar os seus membros acerca da observância das regras básicas de condução.

in ANGOP de 19.11.2013

Sem comentários:

Publicar um comentário