sexta-feira, 18 de maio de 2012

Artistas aconselhados a primar pela deontologia profissional

1º secretário do comité dos artistas e compositores, João Afonso

O primeiro secretário do comité de especialidade dos artistas e compositores do MPLA no Huambo, João Afonso, exortou hoje, quinta-feira, aos fazedores da cultura a primarem pela deontologia profissional no exercício das suas actividades, de modo a preservarem o respeito e a valorização da sociedade.

João Afonso fez tal exortação na dissertação do tema
As artes como factor de integração social rumo às eleições agendadas para este ano”, testemunhada por actores de teatro, músicos, dançarinos, poetas, escritores e promotores de espectáculos.

Segundo o responsável, para além da deontologia profissional os artistas devem ainda manter a ética moral, disciplina, humildade, espírito de organização para elevar os níveis de crescimento da cultura nacional.

Para tal, João Afonso afirmou que o êxito do processo democrático no país exige mais deontologia dos artistas na composição das letras musicais, poéticas e peças teatrais, no sentido de reafirmarem o seu compromisso em contribuírem na preservação da paz e da reconciliação nacional.

O evento, promovido pelo referido comité, visou elucidar os participantes sobre o seu importante papel na moralização social e política durante o período de eleições gerais.

in ANGOP de 18.05.2012

Sem comentários:

Publicar um comentário