segunda-feira, 15 de abril de 2013

Administrador do Longonjo admite haver prioridades para a juventude



O administrador municipal do Longonjo, a 64 quilómetros a oeste da cidade do Huambo, António Caviendi, admitiu haver programas do Governo para a área de formação profissional e académica de forma a contribuir no desenvolvimento do país.

No quadro do Dia Nacional da Juventude, o administrador assegurou que o Governo tem já políticas traçadas de formação e incentivar a juventude a apostar no empreendedorismo e criar oportunidades de emprego para futura geração em várias áreas.

António Caviendi apelou à sociedade e outros organismos que trabalham directa ou indirectamente com esta camada da sociedade para uma educação dos jovens, realizando palestras e colóquios que permitam perceber o importante para uma juventude salutar e útil para a nação.

No município do Longonjo, 150 jovens participam desde o princípio deste mês em formações diversas, promovidas pelo Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFOP).

in ANGOP de 15.04.2013

Sem comentários:

Publicar um comentário