quarta-feira, 24 de abril de 2013

Burocracia no Hospital Geral indigna dirigente


O vice-governador da província do Huambo para a área política e social, Guilherme Tuluka, criticou a direcção e o colectivo de trabalhadores do Hospital Geral, pela burocracia apresentada no tratamento dos pacientes.
 
Ao intervir num encontro com os funcionários da maior unidade sanitária desta região, para tecer esclarecimentos sobre o processo de actualização de categorias, exigiu aos enfermeiros e médicos mais profissionalismo, afim de por fim, rapidamente, a tal burocracia.
 
Lembrou-lhes que no sector da saúde o primeiro pressuposto é a ética e deontologia profissional, bem como o profissionalismo e amor ao próximo, por tratar-se de uma profissão que lida com vidas humanas.
 
Quanto à actualização de categorias, Guilherme Tuluka informou que tal situação ultrapassa as competências do governo provincial, mas disse estar optimista que a mesma se resolva em breve.
 
Os funcionários do sector da saúde devem, sempre, fazer um exame de consciência e aceitarem a sua missão da qual depende muitas vidas. A remuneração salarial nunca deve ser vista como prioridade”, aconselhou.
 
in ANGOP de 24.04.2013
 

Sem comentários:

Publicar um comentário